2/19/2016

RESTRIÇÃO ALIMENTAR x REEDUCAÇÃO ALIMENTAR!

OI   DIVINAS   E   DIVINOS!


Hoje trago para vocês, um tema que vejo muita gente se confundir e entrar muitas vezes em 'dietas" que não conseguem manter por muito tempo.
RESTRIÇÃO ALIMENTAR 
Como o próprio nome diz, é você retirar alimentos ou restringir sua alimentação a um determinado grupo de alimentos. Ex.: doenças específicas, dieta da lua, dieta da proteína, dieta das frutas, etc.
Esses tipos de dietas, quando não são por alguma doença, são em sua maioria difíceis de ser seguidas e continuadas por muito tempo por se tratar do uso dos mesmos alimentos, com pouca variedade e normalmente muito distantes da alimentação usual e/ou comum aos hábitos do dia-a-dia.
PRÓ:

  1. PERDA DE PESO EM CURTO ESPAÇO DE TEMPO


CONTRAS:
  1. DIETA MONÓTONA, ENJOO RÁPIDO
  2. CARÊNCIA DOS NUTRIENTES NÃO CONSUMIDOS
  3. DESCONTINUIDADE
  4. TENDÊNCIA A UMA RÁPIDA RECUPERAÇÃO DE PESO NA TENTATIVA DO ORGANISMO COMPENSAR O PESO RAPIDAMENTE PERDIDO
  5. CARÊNCIA DE NUTRIENTES, LEVANDO À FRAQUEZA, QUEDA DE CABELO, UNHAS FRACAS,ETC.
  6. MAIOR CHANCE DE RECAÍDAS E/OU QUERER SAIR DA DIETA COMETENDO VERDADEIROS PECADOS DA GULA E COMENDO COMPULSIVAMENTE
  7. SE NÃO ACOMPANHADO DE UMA ATIVIDADE FÍSICA, É CERTO QUE HAVERÁ UMA CHANCE MAIOR DE FLACIDEZ
REEDUCAÇÃO ALIMENTAR

Consiste em reorganizar a dieta do dia-a-dia, garantindo nutrientes essenciais, respeitando: hábitos, costumes, atividades físicas/ gasto energético, poder econômico e vida social, é gente, pois o que mais ocorre são pessoas que deixam de sair, pois não sabem o que comer e ter medo de sair da dieta.
Isso é uma das funções de um(a) nutricionista, saindo de dietas prontas  (tipo evitar e consumir) e criar um programa alimentar ideal para cada pessoa.
Aí você me diz: mas normalmente o emagrecimento é muito lento. Aí eu respondo: vamos aos prós e contras.
PRÓS:
  1. Perda de peso com redução da gordura corporal e manutenção ou ganho da massa muscular
  2. Redução do risco de flacidez
  3. Maior chance de levar a dieta por mais tempo
  4. Ter uma vida social com direito a não parecer um "peixe fora d'água" diante de todos
  5. Alimentação com redução de calorias dentro do padrão alimentar usual
  6. Por condicionar ao controle de ingesta de calorias, é possível reorganizar alimentos e bebidas nas saídas e diversões
  7. Emagrecer cuidando da saúde é o foco
CONTRAS:
  1. Requer mais tempo para que se consiga perder muito peso necessário/desejado e se não houver uma vontade real de mudança, podem ocorrer desistências e recaídas como em toda e qualquer dieta.
Bom, após esse breve esclarecimento, vocês vão compreender que hoje há um mundo de dietas, exercícios e técnicas para perder peso, mas para dar realmente certo e a longo prazo, tem que haver um acompanhamento profissional sério e o nutricionista você encontra tanto na rede pública como na privada, dependendo das suas condições.

Como é impossível se fazer uma dieta à distância, ou melhor seria que não fosse feita, eu venho aqui dá algumas dicas básicas para apostar em uma reeducação alimentar e mudanças de hábitos...
  1. Querer verdadeiramente perder peso
  2. Não comente com ninguém que está de dieta
  3. Dormir ao menos 6h/dia
  4. Beber bastante água
  5. Evitas calorias vazias: refrigerantes, guloseimas, doces, açúcar, etc.
  6. Escolher uma atividade física que lhe agrade e que consiga realizar ao menos três vezes por semana
  7. Realizar 6 refeições leves por dia ao menos de 3 em 3 horas
  8. Optar por carnes magras e brancas
  9. Ingerir frutas, verduras e legumes
  10. Preferir alimentos com menos gorduras como os lights, leite e derivados desnatados ou semidesnatados
  11. Retirar frituras preferindo assados no forno, grelhados e cozidos sem óleo
  12. Reduzir sal e carnes salgadas
  13. Evitar temperos prontos, macarrão instantâneos e sopas prontas
  14. Não restrinja totalmente alimentos que gosta, faça a opção pela forma mais light deste ou menos calórica.
  15. Seguir indicações da pirâmide alimentar 
É IMPORTANTE QUE SE DIGA QUE TODAS AS ORIENTAÇÕES DADAS NESSE POST, SÃO PARA PESSOAS SEM DOENÇAS QUE PRECISEM DE RESTRIÇÕES MAIS SÉRIAS.

É isso lindezas! Espero que tenha ficado um pouco mais explicado e que sirva como um "ponta pé" para mudanças de hábitos, reeducação alimentar, perda de peso e cuidados com a saúde.

UM ABRAÇO APERTADO E FIQUEM COM DEUS!

5 comentários:

  1. Arrasou na postagem Carla! bjs
    http://ofantasticomundodairis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, amiga!! Muita gente sempre me pergunta sobre o assunto e o pior é que se ver com tantas opções de dietas no mercado e ainda fica achando que nossa profissão é dispensável, que só é pegar uma de revista que tá tudo bem. Ou até chega para você e diz: faz uma dieta para mim? Como se fosse coisa de um minuto. Prepare-se amiga. Vai acontecer muito isso,kkkkkkkkkkkkkkkkkk. Beijossssssssss e obrigada!

      Excluir
  2. Muito interessante o post. Eu tenho restrição a alguns alimentos, mas por conta do meu problema renal.

    http://meubaudeestrelas.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/blogmeubaudeestrelas/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amiga! O seu entra no quadro de restrições por patologias e dessas você não pode correr, né? Obrigada minha lindaaaa.

      Excluir
  3. Interessante saber a diferença e para que cada um serve eu tento me educar diariamente e assumo que estou conseguindo.

    Beijos
    http://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela sua participação!!!